quarta-feira, 27 de julho de 2011

O que te faz feliz?


Se quer saber, um bocado de atenção, além de me fazer feliz, lubrifica minhas cordas vocais com a alegria de quem é ouvido, de quem faz sentido. Educação e sinceridade no bom dia me fazem acreditar na capacidade do ser humano de evoluir. A gentileza de segurar a porta pra alguém passar ou parar o carro pra alguém atravessar a rua me faz sonhar com uma gente mais bonita, mais simpática, mais verdadeira... mais feliz. Não jogar lixo no chão me faz feliz. Não perder as esperanças me faz ter forças de respirar, de viver, de lutar. E sem respirar, viver e, claro, lutar, não dá mesmo pra ser feliz.

Mingau de aveia me faz feliz. Sorvete de flocos me faz feliz. Cartões escritos à mão me matam de felicidade. Matéria no jornal, comentário no blog, scrap no orkut, brigadeiro, telefonema. Livrarias me fazem feliz. Bibliotecas me fazem viajar e viajar me faz feliz. Janelas me fazem feliz. Amigos me fazem ter certeza de que a felicidade existe.

Duvidar não me faz feliz. Mas a dúvida é o caminho pra se questionar e descobrir. E conhecer me faz feliz. Aprender me faz feliz. Mudar... Mudar faz parte do caminho pra felicidade. A cada dia que passa, mais entendo o quanto preciso me esforçar e cobrar de mim pra seguir adiante, porque não me contento com pouco e, então, se eu não me policiar pra alcançar aquelas minhas metas, nunca vou poder ser feliz - porque nunca vou me contentar com tão pouco...

Conquistar, crescer, ajudar - isso me faz feliz, mesmo que antes eu me contorça de gastrite nervosa e chore e trema e caia e sinta e doa. Amar me faz feliz - e ser amada, ainda mais. 

Beeijos, Jaqueline.

PS: felicidade de hoje foi subir na balança e, descontando os oitocentos gramas do All Star de couro, pesar menos que sessenta quilos.

2 comentários:

Rosi's Ribeiro disse...

Ler seus posts me faz feliz! :)

Natália disse...

Me identifiquei 100% com o texto (: